Home > Produtos e Serviços > Desenvolvimento de produtos > Etapas do desenvolvimento de produtos

Etapas do desenvolvimento de produtos

A Símeros é uma empresa de engenharia que acredita que seu principal diferencial competitivo está na capacidade de permanecer independente para inovar de forma constante e com elevado grau de qualidade. Estamos diariamente idealizando soluções de forma criativa e livre, contudo, mantendo essencialmente uma conexão direta com a atualidade. Assim, nossos desenvolvimentos são elaborados prevendo toda a praticidade e a simplicidade permitida para cada caso.

Contamos com uma equipe de engenheiros integralmente dedicados ao processo de desenvolvimento de novas tecnologias. Este processo inventivo flui através da seguinte forma:

O propósito

O processo de desenvolvimento é iniciado com a identificação de uma necessidade do mercado. A concepção da visão não é uma atividade trivial, faz-se necessário conhecer detalhadamente o real funcionamento de processos e componentes que constituem toda a cadeia dos sistemas em análise. E para isso, nossa equipe de desenvolvimento está constantemente se atualizando através de artigos científicos, publicações técnicas e informativos mercadológicos. Outro grande ativo da Símeros nesta área é manter profunda interação com clientes e parceiros, gerando estreito acesso a informação e facilitando o entendimento dos problemas técnicos enfrentados corriqueiramente em diversos nichos do segmento de óleo e gás.

Os antecessores

Após a compreensão da necessidade exposta, inicia-se uma pesquisa aprofundada sobre tecnologias já existentes que poderiam ser, ou são, aplicadas para satisfazer o problema em questão. Esta etapa é crucial para a continuação do processo de desenvolvimento, pois através desta análise resulta a tomada de decisão entre aplicar diretamente uma tecnologia existente ou partir para criação de uma nova tecnologia. É nesta etapa, também, que o background da equipe de desenvolvimento é incrementado, pois faz-se necessário realizar diversas pesquisas e análises sobre as tecnologias já existentes.

Os conceitos

O passo seguinte, após verificada a necessidade de se criar tecnologia, é a geração de ideias. Nesta etapa do processo criativo surgem as invenções, que posteriormente poderão se transformar em inovações. Todos os colaboradores são envolvidos e desafiados, dentro de um ambiente totalmente descontraído e liberal, para apresentar sugestões aos problemas apresentados. As sugestões, por sua vez, são então conduzidas para uma exigente e crítica reunião de brainstorming, onde os conceitos são comparados um a um conforme pontos negativos e positivos diagnosticados, e por fim, os conceitos considerados apropriados para a solução do problema são selecionados. Como o conceitual trata-se de um estágio prematuro do desenvolvimento, normalmente, dois ou mais conceitos são conduzidos para a próxima etapa do processo.

 

A viabilidade técnica e comercial

Na continuação do processo inventivo, os conceitos são avaliados conforme o grau de complexidade técnico e potencial de comercialização. É nesta etapa que os esboços geométricos dos conceitos são detalhados. Assim, é possível identificar, de forma mais clara, os passos necessários até a obtenção do produto final. Ao estudo técnico cabe avaliar, para cada conceito, as geometrias aproximadas, os materiais propícios, os processos de fabricação adequados, as qualificações exigidas, dentre outras. Já ao estudo comercial cabe traçar um plano de negócios específico para cada conceito, onde é realizado um estudo envolvendo análise financeira prevista para todo o processo, determinação do possível valor de comercialização e identificação da demanda do mercado atual. Como resposta das análises técnicas e comerciais, o conceito que combina melhor relação custo-benefício é eleito para avançar no processo evolutivo do desenvolvimento.

A proteção intelectual

Frente a viabilidade técnica e comercial, justificadamente aprovada para o conceito eleito, o esforço é então concentrado na proteção intelectual da invenção. O processo para a proteção intelectual deve ser realizado da maneira mais criteriosa possível, considerando todas as peculiaridades da invenção. Para isso, a Símeros conta com o apoio de um dos melhores escritórios de patentes do Brasil, e juntos, fazemos questão de proteger nossas invenções no maior número possível de países onde as tecnologias que desenvolvemos possam ser utilizadas. Em consequência deste rigor de excelência, há inevitável incidência de um alto investimento financeiro para esta etapa, o que justifica a sua posição dentro do fluxo de desenvolvimento que trabalhamos, ou seja, a invenção só é protegida após passar por diversas etapas de verificação e aprovação técnica e comercial.

A engenharia do produto

Com a finalização do processo de depósito da propriedade intelectual inicia-se a etapa onde a invenção é estudada e detalhada tecnicamente. A denominada etapa de engenharia do produto. Nesta fase, os engenheiros de desenvolvimento aplicam todo o conhecimento técnico, sempre auxiliados com a ajuda de softwares especializados, para o dimensionamento e estudo das funcionalidades da invenção de maneira virtual. Em sequência, parte-se para prototipagem 3D, onde as características dimensionais dos produtos são novamente estudadas. Sendo o protótipo aprovado, inicia-se o processo de verificação através de testes em escala reduzida. Os resultados são utilizados para retroalimentação da engenharia do produto. Assim, em uma próxima etapa, um protótipo em escala real é fabricado para verificação da sua eficiência em testes que simulam condições de operação extremas. Com o resultado satisfatório dos testes, o produto é liberado para fabricação e comercialização.